Laranja Lima especial festas

LEIA ESSE POST

IMGL1926

Adélia especial festas

LEIA ESSE POST

IMGL1877

Chiquita Bacana especial festas

LEIA ESSE POST

IMGL1856

Mirele Maria especial festas

LEIA ESSE POST

IMGL1904
06 de abril de 2016
Eu e a Argentina
postado por Laura em Look Moda Viagem

Como eu enrolei para fazer esse post, gente! São tantos detalhes que confesso que só fui deixando para depois e depois… Quando fiz o post do Chile (aqui!) segui o Instagram para lembrar de tudo e dar dicas pelo caminho, vou fazer exatamente o mesmo e no final falo mais alguns detalhes! :)

Estive em Buenos Aires dos dias 08 a 12 de dezembro de 2014 e mais uma vez, viajei por conta própria. Estava vendo um lugar bacana para gastar milhas do cartão de crédito e entre algumas opções pela América do Sul, escolhi Argentina e Uruguai.

A Argentina é famosa pelas carnes, comida com preço bom, pontos turísticos super bacanas, tango e pessoas extremamente receptivas! Em todos os lugares que vou observo cultura e comportamento dos habitantes e isso conta MUITO para mim. Fiquei maravilhada com o povo de lá!

Vamos aos cliques e dicas?

▼ Clique no centro, em frente ao Obelisco, próximo de onde nos hospedamos. Por lá há ruas famosas e imperdíveis, como a calle Florida, ou rua Florida, é a melhor para comprar perfume, aceitam real e vale muito mais a pena que no free shop! Nela também há grandes lojas com diversos produtos, como a famosa Falabella. O famoso e lindo shopping Galerías Pacífico também fica por lá, na esquina da Florinda com Av. Córdoba (famosa pelos outlets), vale uma visita!

A Av. 9 de Julio é a principal da cidade, onde se localizam o Obelisco, o Teatro Colón e o famoso edifício Eva Peron, além de praças com áreas verdes, ótimas para um passeio. Outra avenida muito famosa é a Corrientes (o Obelisco também está nela), com vários bares, cafés, teatros e encontrei drogarias com esmaltes e perfumes importados com ótimos preços! rs. Gostava muito de andar por essa avenida e olhar todos os lugares e vitrines! Ai, que saudade!!

ba01

▼ Em Puerto Madero, com a Puente de la Mujer ao fundo. O bairro é nobre de Buenos Aires, com polo gastronômico super bacana às margens do Rio La Plata, área com prédios enormes e monumentos como Puente de la Mujer a Fragata Presidente Sarmiento, primeiro navio argentino utilizado como museu.

Curtimos duas noites em Puerto Madero. Na primeira, no dia do clique, fomos conhecer o bairro, caminhar (bastante!! haha) às margens do rio, e por fim paramos no Johnny B. Good, para comer e beber. Era o lugar mais agitado do local, com música ao vivo e clima descontraído. Adoramos a comida e o preço da vodka, combo custou menos da metade do que costumamos pagar por aqui…

ba02

▼ No segundo dia de viagem fomos conhecer o Caminito, é uma rua/museu localizado no bairro de La Boca, do ladinho do estádio La Bombonera. Apesar de Buenos Aires ser referência em gastronomia e carnes, esse foi o único lugar onde nenhum restaurante nos atraiu para comer. É lindo para conhecer, fazer cliques bacanas por conta das construções e comprar os famosos alfajores Havanna, além de souvenir. Dá para ir durante uma manhã e partir para outro lugar!

Atenção com os artistas de rua que tiram fotos com essa! Eles abordam numa simpatia incrível para foto e dizem que pode pagar o quanto quiser, não dizem nada, nadinha de valor antes das fotos, depois exigem a quantia super alta, como se fosse o combinado, e ainda te ofendem se não pagar o preço absurdo e não negociado.

ba03

▼ Segunda noite em Puerto Madero, dessa vez para conhecer o Casino! Olha, eu não gosto de jogos assim, meu negócio é bater papo e observar as pessoas, ouvir música legal… E eu AMEI! Por ser num navio, zona livre, a bebida é baratíssima e a experiência é incrível. O lugar funciona 24h e tem vários ambientes. Eu adorei e super indico esse passeio!

ba04

▼ Tiramos um dia para conhecer Tigre e adoramos! Nosso único erro foi ter ido durante a semana, já que o local funciona melhor nos fins de semana, com feiras, parque e atrações. Li uma dica de viagem com ótima descrição do local: o cenário é único, cheio de rios, canais, árvores frondosas, casas coloridas, embarcações e a vida sã como princípio.

O clique abaixo foi de um almoço suuuper gostoso e barato (com direito a bebida e sobremesa, fui de Quilmes e sorvete de doce de leite) num restaurante delicioso, o Vivanco.

ba05

▼ Para chegar ao Tigre fomos de metrô + trem metropolitano, mas o melhor foi a volta, no Tren de la Costa, que margeia o Rio Prata e para em estações charmosíssimas!

Ao fundo dá para ver o rio, enorme!

ba06

▼ Meu look em uma das estações. Não lembro em qual parei, mas os moradores indicam as melhores e dá para parar em várias para conhecer, é só fica atento para não perder o trem! :)

ba07

▼ Um passeio imperdível é Villa Crespo, apesar de muitos indicarem os outlets como imperdíveis, não vi nada diferente do que tem pertinho da gente, em SP, por exemplo. Lá é bom mesmo para quem quer comprar couro! De fato os preços são suuuper atrativos! Foi lá que comprei a famosa plataforma argentina e um cinto que amo!

De lá fomos visitar o bairro Palermo Soho, diretinho para o restaurante La Cabrera, indicadíssimo, MARAVILHOSO, bem servido e com preço bacanérrimo para o que oferece! Esperávamos uma conta 3X o que veio! A foto abaixo é um detalhe de lá.

ba08

▼ De volta ao centro, onde estávamos hospedados, fomos conhecer o famoso tango de lá! Escolhemos o Piazzolla Tango, indicação de um guia brasileiro que vive em Buenos Aires. Ele explicou que de todos esse é o é mais fiel à tradição, pois muitos vivaram mais teatro que tango. Escolhemos o espetáculo com jantar, regado de vinho, e AMAMOS! Look que escolhi para a noite:

ba09

▼ Antes do show, tivemos uma aulinha de tango! Na hora fizemos os passos e eu fiquei me sentindo. Acontece que já esqueci tudo! hahaha. No tango conhecemos duas americanas super legais e fomos com elas para a famosa noite em Palermo, na Plaza Serrana, sentamos em um dos vários bares que têm por lá e depois seguimos para a boate Kika Club, onde ouvimos muito reggaeton, haha. A foto que segue foi durante a aula no salão:

ba10

▼ Dia pós balada tiramos o dia para rodar mais pelo centro. Na Av. de Mayo, visitamos o clássico Café Tortoni, lugar onde encontrei todos os brasileiros de Buenos Aires, haha. A decoração é linda e tudo é uma delícia! Por ser extremamente turístico, foi o lugar que achamos mais caro, comparando aos padrões da capital. O clima é o mesmo da Cafeteria Colombo do centro do Rio de Janeiro.

ba11

▼ Quando conhecemos Recoleta, bairro de Buenos Aires, tivemos a certeza que lá seria uma ótima opção para hospedagem. O local oferece ótimos pontos para comer e visitar, além de ter um noite agitadinha. Os passeios imperdíveis por lá são: Cemitério da Recoleta e Nossa Senhora do Pilar. No bairro também há museus, praças, o famoso Hard Rock Café e o restaurante das melhores empanadas de Buenos Aires, o El Sanjuanino, onde fizemos o clique abaixo.

ba12

▼ Clique do Edificio del Ministerio de Obras Públicas, com foto de Evita Perón, que postei quando estava indo embora da Argentina, rumo ao Uruguai. Esses detalhes ficarão para o próximo post! :)

ba13

Alguns pontos que acho importante citar:

PASSAGEM: fui pela TAM, com milhas do cartão de crédito. Durante o ano há MUITAS promoções para lá e o preço de passagem na maioria das vezes é bem atrativo!

HOSPEDAGEM: ficamos no Rochester Concept, bem no centro de Buenos Aires. Adoramos o lugar e o atendimento do hotel, preço bom, com café da manhã no pacote.

TRANSPORTE: andamos muito de taxi por lá! É relativamente barato! Para ônibus é necessário um cartão, chamado SUBE. Nós não sabíamos desse detalhe, daí paramos no ponto, fizemos sinal e entramos, fomos pagar ao motorista, que nos explicou como funciona. A sorte foi um estudante que passou o cartão dele para nós e pagamos a ele. Mas não contem com essa sorte! Adquiram o cartão antes! rs.

CÂMBIO: lá eles aceitam real em MUITOS lugares e na maioria das vezes vale a pena pagar em real mesmo, mas é bom fazer o cálculo antes. Também trocamos real em peso argentino para lugares que não aceitavam ou então não valia a conversão. Lá rola muito o câmbio paralelo, pessoas trocando dinheiro nas ruas, são muitas, em todos os cantos do centro, vale pesquisar preço e em geral vale trocar com eles.

DA ARGENTINA PARA URUGUAI: fizemos esse trajeto com a empresa Buquebus. Amanhã postarei sobre o Uruguai e conto mais detalhes sobre isso.

Espero que tenham gostado e qualquer dúvida é só perguntar nos comentários ou enviar e-mail para laura@fashionsubmarine.com.

Beijinhos e até a próxima!



Deixe seu comentário!

Nome obrigatório

Website