Eu e a Colômbia | San Andrés

LEIA ESSE POST

IMG_7098

Eu e a Colômbia | Cartagena

LEIA ESSE POST

IMG_7083

Eu e a Colômbia | Bogotá

LEIA ESSE POST

IMG_2673

FORMATURA UNIG MED XXX: OS SUPER LOOKS

LEIA ESSE POST

IMGL8574 copy
26 de agosto de 2015
Top 5 “chorei 2 semanas”
postado por Laura em Cultura

hahahaha

Isso mesmo, resolvi fazer um top 5 dos filmes que me fizeram chorar rios. Sou MUITO emotiva, choro por qualquer coisa, até com Matrix e Transformers, mas para as dicas de hoje fiz uma seleção mais sentimental, escolhi os que acredito que emocionam até os insensíveis. Também tive o cuidado de escolher filmes bem diferentes, que abordam questões distintas, para agradar a todos! :)

Preparem os lenços!

O Leitor (original: The Reader) | Para mim é de longe o melhor de todos! Obra que me inspirou a fazer esse post e me faz chorar desde a primeira cena. Lindo, encantador e triste, baseado num romance alemão e do diretor Stephen Daldry, o mesmo de As Horas, filmaço também! A história é rica e fantástica, todos que indiquei adoraram e espero que gostem também.

01 OLeitor

Sinopse: Em 1995, Michael Berg (Ralph Fiennes) lembra de sua adolescência e juventude na Alemanha pós-2ª Guerra Mundial, quando com 15 anos, interpretado por David Kross, se envolve, por acaso, com Hanna Schmitz (Kate Winslet), uma mulher que tem o dobro de sua idade. Apesar das diferenças de classe, os dois se apaixonam e vivem uma bonita história de amor. Até que um dia Hanna desaparece misteriosamente. Oito anos se passam e Berg, enquanto estudante de Direito, se surpreende ao reencontrar seu passado.

Doce Novembro (original: Sweet November) | Ohn… Penso nesse filme com muito carinho! Um dos primeiro romances melancólicos que assisti! Um amor avassalador, que invade também os cinéfilos e faz todo mundo amar junto com os protagonistas. Bonito do começo ao fim. Chorei só de lembrar! :)

02 docenovembro

Sinopse: Nelson Moss (Keanu Reeves) é um atarefado executivo que só pensa em seu trabalho e parece ter se esquecido o que é ser amado por alguém. Até que conhece Sara Deever (Charlize Theron), que lhe traz novamente um sentimento de romantismo à sua vida. Ela termina convencendo-o a passarem um mês juntos e depois se separarem, pois considera este um tempo suficiente para que possam resolver seus problemas emocionais. Porém, com o passar dos dias Nelson se apaixona cada vez mais por Sara e busca descobrir qual é o motivo pelo medo de compromisso que ela possui.

A Corrente do Bem (original: Pay It Forward) | Meu namorado falava sempre desse filme. Um dia, para me ajudar a dormir, contou para mim a história todo emocionado e fiquei com ele na cabeça. Quando vi que ia passar na TV, programei e assisti com os olhos grudados na tela, completamente contagiada pela compaixão que a obra propõe. Com Kevin Spacey, um dos meus atores favoritos, o filme nos faz refletir por uns 20 minutos depois que acaba.

03 acorrentedobem

Sinopse: Eugene Simonet (Kevin Spacey), um professor de Estudos Sociais, faz um desafio aos seus alunos em uma de suas aulas: que eles criem algo que possa mudar o mundo. Trevor McKinney (Haley Joel Osment), um de seus alunos e incentivado pelo desafio do professor, cria um novo jogo, chamado “pay it forward”, em que a cada favor que recebe você retribui a três outras pessoas. Surpreendentemente, a idéia funciona, ajudando o próprio Eugene a se desvencilhar de segredos do passado e também a mãe de Trevor, Arlene (Helen Hunt), a encontrar um novo sentido em sua vida.

Na Natureza Selvagem (original: Into the Wild) | O filme biográfico é uma adaptação do livro do jornalista Jon Krakauer, que conta a história do jovem Christopher McCandless, responsável por eternizar e dar sentido a frase “A felicidade só é real quando compartilhada.”. O cenário é lindo, aborda questões filosóficas interessantes, e ainda com trilha sonora bacanérrima, de Eddie Vedder, vocalista do Pearl Jam.

04 nanaturezaselvagem

Sinopse: Início da década de 90. Christopher McCandless (Emile Hirsch) é um jovem recém-formado, que decide viajar sem rumo pelos Estados Unidos em busca da liberdade. Durante sua jornada pela Dakota do Sul, Arizona e Califórnia ele conhece pessoas que mudam sua vida, assim como sua presença também modifica as delas. Até que, após dois anos na estrada, Christopher decide fazer a maior das viagens e partir rumo ao Alasca.

Cidade dos Anjos (original: City of Angels) | Apesar de não ser fã do Nicolas Cage, a história do filme é linda, doce, faz a gente suspirar assistindo… Pedi a sugestão desse quinto filme super dramático aos meus primos e quando o Eduardinho sugeriu esse, lembrei na hora do aperto no coração quando assisti! haha. Valeu, Dudu! Sua sugestão foi escolhida para fazer os leitores chorarem!

05 cidadedosanjos

Sinopse: Em Los Angeles, uma dedicada cirurgiã (Meg Ryan) fica arrasada quando perde um paciente durante uma operação, no mesmo instante em que um anjo (Nicolas Cage), que estava na sala de cirurgia, começa a se sentir atraído por ela. Em pouco tempo ele fica apaixonado pela médica e resolve ficar visível para ela, a fim de poder encontrá-la frequentemente, o que acaba provocando entre os dois uma atração cada vez maior, apesar dela ter um sério relacionamento com um colega de profissão. O ser celestial não pode sentir calor, nem o vento no rosto, o gosto de uma fruta ou o toque da sua amada, assim ele cogita em deixar de ser um imortal para poder amar e ser amado intensamente.

Quase mudei o nome do post para top 6, porque depois que fechei a lista lembrei de um que não poderia faltar! O Jardineiro Fiel (The Constant Gardener), do diretor brasileiro Fernando Meirelles. Filme aclamado pela crítica, um obra complexa que aborda questões sociais, com uma história de amor intensa entre Ralph Fiennes (mesmo ator de O Leitor) e Rachel Weisz (que ganhou o Oscar 2006 de “melhor atriz secundária” por essa atuação).

Vocês curtem sugestões do que assistir? Há várias bacanas aqui no FS, é só clicar em Cultura, nas Categorias, que fica na coluna à direita do blog, ou digitar palavras como “filme” e “cinema” na busca. Tem dica para assistir no Netflix, filme para ver com a família, os melhores de atores bacanas, obras de guerra, cinema europeu…

Aproveitem!

Beijinhos.

Tags: ,


Deixe seu comentário!

Nome obrigatório

Website